Topo
Blog do Menon

Blog do Menon

Categorias

Histórico

Júlio Casares: "sou o pitbull do Juvenal"

Menon

2026-07-20T13:14:53

26/07/2013 14h53

Julio Casares, vice-presidente de marketing do São Paulo e diretor de projetos da TV Record, tem 52 anos e é uma pessoa afável. Bem humorado e educado, surpreendeu a todos ao mostrar uma face combativa e quase raivosa nos últimos dias, quando se colocou a campo para defender Juvenal Juvêncio, presidente do clube. "Pode dizer que eu sou o pitbull do Juvenal. Sou mesmo, a sua obra merece ser defendida". Abaixo, a entrevista

Você foi para a linha de frente da defesa de Juvenal, com um estilo pouco afável. Por que?

Quando você vê um homem ser injustamente acusado, precisa defendê-lo. Foi o que eu fiz. Aquele vídeo do churrasco que mostra o Juvenal irritado só tem um lado. É uma arapuca. Por que não mostrou as provocações que fizeram a ele? Até me chamaram de pitbull do Juvenal. Tudo bem, ele merece isso.

Por que ele merece defesa tão enfática?

Porque ele foi o segundo melhor presidente da história do clube, atrás apenas do Laudo Natel. Ganhou muitos títulos e construí uma obra magnífica como o CT de Cotia, por exemplo. E vai reformar o Morumbi. O mercado está retraído mas vai melhorar.

Você, mesmo sem citar nomes, criticou o Marco Aurélio Cunha. Você acha mesmo que ele não é são-paulino?

Pode até ser, mas um verdadeiro são-paulino não canta o hino de outro clube, como ele cantou o do Santos. E ele está prestando um desserviço ao clube antecipando o processo eleitoral

Como assim?

A eleição é apenas em abril. Ele antecipou tudo e criou um clima político no clube. Estamos ainda em julho e já te pessoas com a camisa dele dentro do clube.

Mas Júlio, não existe nenhuma lei que marque o início do processo eleitoral. As pessoas fazem seu próprio calendário.

Pode ser bom para ele mas não é bom para o São Paulo. E ele deveria pensar nisso. Preferiu trazer intranquilidade ao clube

Ele tem chances de ganhar?

Não sei. Não fiz nenhuma análise, mas o fato é que o Juvenal tem muito a mostrar. A parte social do clube está ótima e passamos por um período sem títulos, mas não dá para esquecer que ganhamos a Sul-Americana.

Por que o time está tão ruim?

Algumas contratações não foram boas. E outras, que foram boas ainda não renderam o que

se esperava. Precisamos acertar nossas laterais. O Paulo Autuori é um grande técnico e vai

resolver isso. Vai dar padrão tático ao time.

O marketing do São Paulo foi superado pelo do Corinthians?

Não acho. O nosso era pioneiro, estava muito à frente. Eles cresceram e há um equilíbrio

Outros clubes também cresceram.

É verdade que o contrato com a Penalti é péssimo?

Nada disso. Não posso dizer os números, mas te dou minha palavra de que é melhor do que o anterior, da Reebok.

Dizem que você não pode ser presidente do São Paulo porque é pobre e tem de trabalhar.

Já fui pobre e hoje sou remediado. Sonho em ser presidente do São Paulo, me

preparo para isso, mas não forço a barra. O São Paulo é uma instituição que convoca os

seus presidentes. O clube é que sabe a hora, não é o candidato. Por isso, não faço disso uma

obsessão, um projeto de vida. Se for convocado, saberei analisar a compatibilidade.

Sobre o Autor

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar.Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

Mais Blog do Menon