Blog do Menon

São Paulo vence com magia. Parecia o Barcelona e a Alemanha

Menon

Jornalista não pode ter medo de ser chamado de exagerado. E, sem nenhum medo, eu digo que o São Paulo teve momentos fantásticos. Com Denílson marcando muito atrás, Ganso e Kaká tinham toda a tranquilidade para tocar a bola, escolher o ritmo de jogo e encantar a torcida. O primeiro gol foi contra, após uma linda tabela de Ganso e Kardec. Rithely errou e fez contra.

O segundo gol foi uma aula de contra-ataque. Um gol de antologia. Gol para rodar mundo. Escanteio para o Sport, bola com Kaká, que deu drible da vaca em Ibson, na lateral esquerda. Então, foi Kaká-Auro-Kaká-Pato-Auro-Pato-Tolói-Souza-Pato-GOOLLLL Nove toques envolvendo cinco jogadores.

No segundo tempo, o São Paulo repetiu lindas jogadas mas errou muito na hora de marcar. Pato fez muita firula. Magrão jogou bem. O Sport foi valente, mas o São Paulo estava em outro nível. Boa estreia de Auro.

Dá gosto ver o São Paulo jogar. Tem mínimas chances de ser campeão – o Cruzeiro sobra – mas é bom ver o futebol brasileiro bem representado em campo. Fica a esperança de ver clubes brasileiros jogando futebol brasileiro. Nos últimos tempos, só alemães e espanhóis faziam isso.

Tags : Ganso kaká