Blog do Menon

Jean é ótimo, mas e o Lucas Perri?

Menon

O São Paulo está próximo de contratar Jean, goleiro do Bahia. Com 22 anos, passagens pelas seleções de base, tem 52 jogos pelo Bahia. Apenas 52 gols sofridos. É filho de goleiro, também Jean, com passagens ótimas por Ponte Preta e Bahia. Além de todas as qualidades, já foi sondado por clubes estrangeiros, o que demonstra um potencial de venda futura. Triste futebol brasileiro, em que se compra pensando na possibilidade de venda.

É uma contratação melhor que a de Valter, por exemplo. O bom goleiro corintiano tem 29 anos e menos de 30 jogos pelo grande clube. Ou seja, é um goleiro com pouca rodagem. Como Denis. Como Renan Ribeiro.

O estranho na contratação de Jean é que o São Paulo tem um goleiro dois anos mais novo e também com participações nas seleções de base. Lucas Perri veio da Ponte e sua chegada rendeu muitas críticas ao São Paulo por estar ''roubando'' jogadores da base. Uma bobagem no capitalismo selvagem que vige o futebol. Perri jogou a Copa Paulista, está jogando o Brasileiro de Aspirantes e já treina com os profissionais há um bom tempo.

Com a chegada de Jean e as saídas de Renan e Denis, passará de quarto a terceiro goleiro. Um degrau a mais? Será? Terá pela frente alguém com qualidade e carreira longa. Deve esperar a briga entre Sidão e Jean?

Para ele e para o São Paulo, muito melhor seria o empréstimo para um clube bem estruturado e que dispute a série B ou C. Um clube que lhe dê apoio mas que também o coloque em situações difíceis, em jogos decisivos, que lhe dê a rodagem que Jean já tem. Alguém ouviu o nome Fortaleza aí?

Daqui a um ano ou dois, pode voltar para substituir Jean, que, como dissemos, tem a possibilidade de uma transferência para fora do Brasil.

Ao acertar em trazer uma grande revelação, o São Paulo precisa ter cuidado com a carreira de sua própria revelação.