Blog do Menon

Torcida do Vasco aplaude eliminação. Até quando esta mediocridade?

Menon

O Vasco venceu o Bahia e foi eliminado. A torcida aplaudiu.

O Vasco perdeu do São Paulo e Jorginho disse que seu time é feito de guerreiros. A torcida se satisfez.

O Vasco venceu a LDU e foi eliminado. A torcida aplaudiu.

É muita mediocridade. Ficar feliz porque o time vendeu caro uma eliminação é coisa para times como, sem nenhuma ofensa, como Ponte Preta ou Guarani.

O Vasco, não. O Vasco tem de ser aplaudido em disputa de título. Ou na conquista de título.

Essa história de torcida que aplaude o tempo inteiro nunca me agradou. Elogiam os os argentinos por isso. O time está perdendo por 5 e a torcida canta, pula e vibra. Eu acho uma bobagem. Acho irreal e fora do normal. Quando estou em campo e meu time sofre um gol, eu sinto o baque. Paro de gritar. Não sou um robô que não sente nada, que está sempre pronto a gritar.

E a mediocridade passa pelo time. Galhardo, autor do gol, fez um desabafo. ''Um repórter do Equador perguntou quem era o Vasco. Olha a resposta aí''. Que resposta, amigo? Um a zero em casa e eliminado. Esse é o Vasco do Galhardo?

E o Jorginho, repetindo a história de time de guerreiro, comemorando porque houve um gol e outros quase vieram. Quase, Jorginho?

Este tipo de acomodação é terrível. Precisa ter um basta. A cobrança precisa ser grande, enorme e civilizada. Nada de agressão, mas aplaudir eliminação é dar aval para novas eliminações. Basta ter luta que tudo está perdoado? Não precisa mais ser campeão? Ou vice?

O fim disso é triste.

O nome é apequenamento.



*As opiniões expressas neste blog são de responsabilidade do autor.