Blog do Menon

Palmeiras contrata meia japonês. Ótima ideia

Menon

O Palmeiras, por empréstimo, trouxe Daiju Sasaki, um meia japonês de 18 anos, com provável presença na Olimpíada 2020. Por enquanto, talvez para sempre, ficará na base.

Os clubes brasileiros deveriam olhar, como faz o Palmeiras, para outros mercados. O dinheiro não tem fronteiras. Por que não fazer pré-temporada no Japão, China ou Tailândia? Levar a marca, buscar parcerias?

Ou, na África? Duvido que 20 dias de treinamento não renderiam a descoberta de algum bom jogador. Bom, porque os ótimos, até pela questão da dupla nacionalidade, estão na Europa.

Não querem ir tão longe? Por que não o Nordeste e o Norte? Pré-temporada em Salvador, com direito a triangular com Bahia e Vitória. Ou sede em Pernambuco, com quadrangular contra Santa Cruz, Náutico e Sport?

Em Manaus, com treinos abertos, distribuição de brindes, conquista de novos torcedores? Ida até Belém.

Há muito o que fazer para que os grandes clubes se tornem fortes internacionalmente ou, pelo menos, clubes nacionais e não apenas estaduais.

O Palmeiras deu um bom passo.



*As opiniões expressas neste blog são de responsabilidade do autor.