Blog do Menon

Nenê não pode sair. Felipão explica

Menon

Tenho muitas restrições a Nenê. Principalmente por seu comportamento egoísta, sem comprometimento com o grupo. Além disso, fez um segundo turno do Brasileiro muito pior que o primeiro. Perdeu a posição no final do ano para Gonzalo Carneiro. Foi para o banco e é lá que deve ficar. Sem bico, como um profissional correto.

Não pode ser o comandante do time, porque comanda a si próprio. Não pode ser o comandante técnico do time porque este posto é de Hernanes. E não pode jogar pelo lado, armando o jogo. Não conseguiu com Aguirre.

Então, por que Nené não deve sair? Por dois motivos complementares: 1) ele sabe jogar bola e pode substituir Hernanes e 2) não tem outro.

Havia Shaylon, que nunca se firmou e está no Bahia. Ninguém mais.

É possível fazer Nenê entender que ele pode ser útil ao grupo, mesmo no banco? Entrar 20 minutos e render? Entrar em situações especiais e ajudar o time a controlar o jogo? Substituir Hernanes por conta de cartões?

É uma missão para Raí, Jardine, Mancini e Carlinhos Neves.

Dura missão.

A certeza, demonstrada por Scolari, é que, para ser campeão, um time precisa muito mais que onze jogadores. Precisa de elenco.



*As opiniões expressas neste blog são de responsabilidade do autor.