Topo

Histórico

Categorias

Ceni e São Paulo poderiam estar juntos

Menon

10/05/2019 11h37

O treinador Rogério Ceni enfrentará o São Paulo Futebol Clube, onde o jogador Rogério Ceni construiu uma gloriosa carreira

Eles poderiam estar juntos ainda. Ceni foi demitido de maneira precipitada, embora justificável.

Contradição?

Bem, vou tentar explicar meu raciocínio.

O São Paulo de Ceni estava mal, com perigo de cair. E a queda de um time grande é algo a ser evitado a todo custo. Nada é pior.

Falo de Brasil, onde patrocínio e dinheiro de televisão são fundamentais para a saúde financeira do clube.

Se um time brasileiro for dirigido por Guardiola e Klopp e estiver com risco de cair, que sejam demitidos. Ah, mas o trabalho deles vai aparecer…Já devia ter aparecido, não?

Então, diante do perigo que o São Paulo passava em 2017, é aceitável a demissão. Mesmo se tratando do grande ídolo.

Mas, e a precipitação?

Acho que faltou sangue frio ao presidente Leco. Ceni foi demitido quando o São Paulo caminhava para uma sequência mais tranquila, que apontava para a recuperação. Algo que veio com Dorival Jr.

O que pegou muito mal foi a maneira da demissão. Leco, que havia contratado Ceni como um escudo se livrou dele como quem joga fora um jornal de anteontem.

Nem levou em conta o fato de haver vendido David Neres, Luiz Araújo e Thiago Mendes, pilares do time idealizado por Ceni.

As indicações do próprio Ceni foram desastrosas. Marcinho é um exemplo. Neílton, outro.

O se não existe. Mas um pouco mais de paciência de Leco e a não eliminação diante do Defensa y Justicia poderiam ter mantido Ceni. E o seu trabalho estaria completando dois anos. Com resultados.

Agora, são adversários.

Sobre o Autor

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar.Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

Blog do Menon