Topo
Blog do Menon

Blog do Menon

Categorias

Histórico

Fernando Diniz deixa Fluminense à beira do abismo

Menon

19/08/2019 11h50

A demissão de Fernando Diniz era pedra cantada. Não agora, quando perdeu para o CSA em casa. Desde antes, quando foi contratado.

Era totalmente previsível que ele montaria um time com problemas defensivos. Foi assim no Oeste, no Furacão e por que não seria no Flu?

O time cria muito e não faz gols. Problema? Sim, ainda mais quando se lembra que o time sofre 1,6 gols por jogo. 25 gols em 15 jogos. Para vencer, o Fluminense precisaria fazer dois gols por jogo. É difícil.

Diniz é escravo de uma ideia. Ter a posse de bola no campo adversário. Para isso, sobe a marcação. Os rivais se aproveitam e saem em contra-ataque. E tome gols.

Me parece um problema detectado, pedindo solução. Solução que ele não consegue nunca.

O Fluminense tem 12 pontos ganhos em 15 jogos. Média de 0,8 pontos por jogo.

Para escapar, precisa ter 45 pontos (uma projeção). É necessário fazer 33 pontos em 23 jogos. Média de 1,44 pontos.

Ou seja, precisa melhorar 80%.

É o legado de Diniz.

Sobre o Autor

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar.Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

Mais Blog do Menon