PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Resultado ou desempenho? Diniz é ruim nos dois

Menon

26/11/2019 10h32

Resultado ou desempenho? Está é a discussão mais bizarra de todos os tempos.

Resultado, lógico. Resultado sempre. Resultado com desempenho é tudo, mas se for preciso escolher.

Desempenho é uma análise subjetiva. Serve para balizar o resultado. Se o time está ganhando, mas está jogando mal, cuidado. Se o time está jogando bem e perdendo, ainda há uma esperança.

Fernando Diniz não tem resultados. Seus números no Furacão e no Fluminense eram de time rebaixado.

Mas o desempenho agradava muitos críticos. Viam nele algo espetacular, uma grande novidade. Muita posse de bola. Quando ele tivesse uma chance de dirigir um elenco mais capacitado…

Bem, chegou ao São Paulo. O aproveitamento melhorou em relação a Fluminense e Furacão. Agora, está próximo de 50%, menos do que Cuca, seu antecessor.

E o desempenho? Pragmatismo total. Retranca contra o Flamengo garantiu um ponto. Retranca contra o Ceará foi castigada com um empate no último minuto.

O time joga mal. Sem brilho. E sem competitividade. Um time amorfo contra Cruzeiro, Palmeiras e Fluminense…

Ah, se ainda tivesse resultado…

Não tem. O torcedor não espera pontos e nem brilho.

Diniz joga mal e não ganha.

E é cultuado

Deve ser o terceiro segredo de Fátima.

 

 

Sobre o Autor

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar.Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

Menon